Carreira Policial – Preparação

O militar se prepara dia a dia e seus treinos são logo cedo. Ele precisa estar preparado para a guerra e esse preparo ocorre muito antes da batalha. Imagine um soldado indo para uma missão sem preparação? O resultado, com certeza, será péssimo. Assim deve ser com você, que pretende atuar na área de Carreiras Policiais seja PRF (Polícia Rodoviária Federal), PF (Polícia Federal), PC (Polícia Civil) ou outras áreas. A preparação para o concurso público exige tempo, não será em um período de curto prazo que você estará pronto para a realização de todas as etapas do concurso.

Diferente de concursos administrativos, os concursos na área de segurança pública exigem uma série de preparos, desde conteúdo de conhecimentos básicos e redação, bem como de preparação física, ótima saúde, testes de avaliação psicológica e exame de psicotécnico. Portanto, para esses concursos, não basta estudar. A preparação deve ser completa, pois exigirá aprovação em todas essas etapas.

Preparação

Se você ainda não sabe ao certo em qual área policial seguir, é aconselhável iniciar a sua preparação com curso preparatório amplo, como Carreiras Policiais que o conteúdo é geral para diversos concursos públicos dessa área. “São inúmeras as vantagens para quem estuda para Carreiras Policiais . Primeiramente, do ponto de vista pedagógico, a adversidade de concursos que se pode prestar, tanto no âmbito Federal quanto no âmbito dos estados e Distrito Federal. Isso se torna vantagem pelo fato de poder aproveitar a mesma base para fazer vários concursos. Ou seja, boa parte das matérias se repete nesse tipo de prova e você estará reforçando conhecimento a cada nova tentativa até chegar à sua aprovação.

TAF

Especificamente em relação ao teste de aptidão física, as provas podem variar de concurso para concurso, tanto nos índices para aprovação, quanto nos exercícios exigidos. “Normalmente é composto por um conjunto de quatro a seis provas físicas. Geralmente são corridas de 12 minutos, flexão vertical na barra para homens e sustentação para mulheres, salto em distância, dentre outros. A Polícia Civil do Estado do Paraná, por exemplo, no último concurso exigiu a subida em uma rede de cordas de aproximadamente 8 metros altura. Já a Polícia Federal exige natação. A Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Civil do Paraná exigem também abdominal”.

A preparação física deve ser prévia e contemplar todos os exercícios do TAF (Teste de Aptidão Física) que o aluno pretende ser aprovado. “A frequência de treinamento varia muito em razão de diversos fatores, como idade, preparação anterior, existência de alguma lesão, complicação física de cada um, resistência inata, dentre outros. O mais importante é começar o quanto antes. Comece devagar para que possa se conhecer, entendendo suas limitações, preferencialmente, com acompanhamento profissional.

O teste físico é uma prova que você já tem o gabarito, então você já consegue treinar desde já.

 

Cargos mais cobiçados da área policial

Atuar como Policial Federal (PF) ou Policial Rodoviário Federal (PRF) são os cargos mais cobiçadas da área policial devido a sua remuneração (R$ 11.439,86 – PF e R$ 9.043,98 – PRF), quantidade de vagas, o trabalho em si, por ser uma instituição reconhecida e respeitada, porém exigem muito dos candidatos. Diego Alves reprovou no concurso para PRF em 2009 por causa da redação. Mas isso não abalou e nem fez desistir do seu sonho, continuou firme nos estudos e, em 2013, foi aprovado. Há 2 anos e meio atua como PRF. Durante sua preparação para o concurso, Diego assistiu muitas vídeoaulas, estudou com materiais em PDF e lia muitos livros. “Vivenciei e me dediquei a cada etapa do exame com bastante intensidade para evitar ser surpreendido”.

O regime de escala são 40 horas semanais que implica em dois plantões semanais, 24 horas de trabalho por 72 horas de descanso. “É uma atividade bastante intensa e não existe rotina. Atuar na PRF é de imensa responsabilidade, que se baseia na fiscalização de trânsito, combate aproximado à criminalidade e auxílio ao cidadão”, menciona Diego.

 

 

 

 

Imprimir